19
Thu, Oct
8 New Articles

Edição 639

Entrevista a Pablo Lopes, candidato da CDU à freguesia de Alvarelhos e Guidões

 

O melhoramento das vias de comunicação e dotar a freguesia de melhor serviço nos transportes públicos são as propostas de Pablo Lopes, para a freguesia de Alvarelhos e Guidões.

 

O Notícias da Trofa (NT): O que o leva a candidatar-se à freguesia?
Pablo Lopes (PL): O que me leva a ser candidato à freguesia é a representatividade e a expressão em votantes que a CDU tem em Guidões, sendo que o objetivo é alargar isso aos alvarelhenses, a confiança dos meus camaradas e a convicção de que isso é possível.

NT: Quais são os projetos que apresenta para o mandato?
PL: O melhoramento das vias de comunicação a nível de circulação e de segurança, a reabilitação dos espaços desportivos, conservação e ampliação de espaços verdes, dotar a freguesia de melhor serviço no âmbito dos meios de transporte públicos.

NT: Qual o projeto/área prioritário(a) caso seja eleito?
PL: As questões sociais, de mobilidade e a desagregação das freguesias.

NT: Quais as principais carências da freguesia?
PL: As principais carências são vias de comunicação em condições de circulação, mais eventos culturais, transportes públicos que sejam mais abrangentes e lutar pela desagregação das duas antigas freguesias, Alvarelhos e Guidões, cada uma com um riquíssimo património cultural próprio.

NT: Considera importante que a Câmara e a Junta de Freguesia sejam governadas pelo mesmo partido político? Porquê?
PL: Pode até ser importante, mas não é essencial para que quem governe a Câmara ou a Junta de Freguesia faça o seu trabalho com honestidade e competência.

NT: Quais as obras que considera mais urgentes a ser realizadas pela Câmara Municipal?
PL: Uma das obras mais importantes é a variante da Trofa, mas que não seja só mais uma Via de comunicação, mas sim uma real alternativa à caótica EN 14.
Sem esquecer que uma das obras mais urgentes e uma vez mais adiada é o metro.

NT: Como avalia a evolução da freguesia ao longo dos 18 anos do Município da Trofa?
PL: A freguesia e o Município evoluíram, nem seria de esperar outra coisa. A questão é que a freguesia continua ruralmente isolada, isto é sem bons acessos e sem meios de transportes realmente abrangentes e, como tal, essa evolução ficou um tudo ou nada aquém do expectável, quer em termos quantitativos quer em termos qualitativos.

1ª Pagina

Videos TrofaTV em destaque

Siga-nos no facebook

» Farmácia de serviço na Trofa