15
Fri, Dec
26 New Articles

Depois de uma manhã de chuva em que se caçaram perdizes, o Clube de Caçadores da Trofa prepara uma batida à raposa, a 10 de fevereiro.

 Os mais resistentes apanharam mais chuva, mas também saíram a ganhar na caçada às perdizes de salto. Na manhã de domingo, em que a chuva caiu copiosamente, houve grupos que não desistiram e conseguiram caçar mais do que um exemplar.

O gosto por este desporto não amedrontou os cerca de 45 homens que não faltaram à chamada do Clube de Caçadores da Trofa e participaram na única caçada às perdizes no concelho e que marcou o fecho da época geral, onde é possível caçar as espécies sedentárias.

Os participantes, mesmo assim, representam uma “pequena percentagem” dos “cerca de 250” caçadores inscritos no Clube, de onde a maior parte prefere “a caça ao coelho”, explicou o presidente da coletividade José Silva.

Ler mais...



O espaço Cultural Engenheiro Hernâni Gonçalves Cunha acolheu, na noite de segunda-feira, dia 28 de janeiro, uma palestra promovida pelo Rotary Club da Trofa sobre a Inteligência Emocional nas organizações.

“A Inteligência Emocional (IE) alterou radicalmente o modo como apreendemos a nossa excelência pessoal. Mais do que um elevado QI (Quociente Inteligência), os melhores distinguem-se pela autoconfiança, autodomínio, integridade, capacidade de comunicar, influenciar, colocar-se no lugar do outro e adaptar-se à mudança, o que nos abre um leque de novas competências num âmbito pessoal e emocional”. Foi desta forma que o orador José Moreira da Silva concluiu a sua palestra sobre a Inteligência Emocional nas organizações, que decorreu no espaço cultural Engenheiro Hernâni Gonçalves Cunha, uma das salas da Universidade Sénior, situada na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Trofa.

Segundo José Moreira da Silva, que também é cronista do NT, esta temática é “uma coisa recente”, que tem “cerca de década e meia”. Durante a intervenção de cerca de uma hora, o palestrante abordou a importância da IE dentro das organizações, mencionando que esta era a “maior responsável pelo sucesso ou insucesso das pessoas”, uma vez que é “preciso saber controlar e dominar os impulsos negativos, como ansiedade, melancolia, ira ou os ímpetos repressores”.

Ler mais...

 

A festa de Nossa Senhora das Candeias realiza-se este fim de semana, dias 2 e 3 de fevereiro. Nas romarias são esperados “milhares de pessoas na localidade”.

Como manda a tradição, as romarias a Nossa Senhora das Candeias regressam à freguesia de Landim, Vila Nova de Famalicão.

O programa deste ano será “enriquecido” com “alguns eventos” que vão propor aos romeiros um “ambiente propício a que sejam revividas as memórias em torno do majestoso Mosteiro de Landim”. Desta forma, as romarias à Senhora das Candeias e a S. Brás vão contar com a realização de um mercado medieval e com demonstrações de cantos dos monges, que, durante séculos, “deram razão e vida àquele mosteiro famalicense”. Uma iniciativa que está inserido no projeto “Viver Vila Nova de Famalicão”, que tem como objetivo “dar visibilidade a espaços e lugares de referência histórica e social do concelho”. O projeto é promovido pelo Gabinete do Património Imaterial do Departamento da Cultura da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

Através do mercado medieval, dinamizado pela Escola Profissional CIOR, pretende-se mostrar o “esforço que os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho fizeram no Couto de Landim, no seu tempo, procurando organizar feiras para desenvolver o comércio local, transacionando-se os frutos da terra e o gado”.

Ler mais...

 

Câmara Municipal da Trofa convida a comunidade a partilhar livros e revistas, através do projeto “Ler não custa nada, mesmo nada”. Os livros devem ser entregues nos pontos de recolha até ao dia 9 de fevereiro.

“Quem tenha livros em casa e queira ver-se 'livre deles' que os entregue Casa da Cultura, nas EB 2/3 Napoleão Sousa Marques, S. Romão e Alvarelhos ou na Escola Secundária da Trofa e depois apareçam para o Mercado de Livros, que decorre de 12 a 18 de fevereiro”. O apelo é de Assis Serra Neves, vereador do pelouro da Cultura da Câmara Municipal da Trofa, que convida a comunidade a participar no projeto “Ler não custa nada, mesmo nada”.

Este projeto surgiu devido à “situação de crise em que atravessamos” e às “dificuldades” que as pessoas têm em comprar livros. Para participar, as pessoas só têm que se dirigir aos pontos de recolha, acima mencionados, até ao dia 9 de fevereiro, e entregar os livros e revistas que tenham em casa e que já não usem. No local da entrega, as pessoas vão ser desafiadas a deixar “uma dedicatória para o próximo leitor”. A campanha termina com o Mercado de Livros, que decorre na Semana da Leitura, onde “qualquer pessoa possa requisitar e levar o livro para casa”.

Desta forma, a autarquia trofense pretende “incentivar à leitura e à partilha de livros”, pois o estarem “na prateleira não chega”. Esta é também uma ajuda para “quem gosta de ler, mas não tem possibilidade de compra”, pois fica com o livro à sua escolha e sem “qualquer custo”.

Ler mais...

Tiago Barbosa Ribeiro é o novo líder da JS Porto

Depois de João Torres ter sido eleito secretário-geral da JS, foi necessário promover uma convenção intercalar para escolher o sucessor na federação distrital do Porto. Tiago Barbosa Ribeiro foi eleito numa atividade que decorreu na Trofa.

Com o slogan “O Norte de Esquerda – Juventude Com Causas”, Tiago Barbosa Ribeiro candidatou-se à Federação Distrital do Porto da JS e reuniu o apoio de 18 concelhias que o elegeram na convenção federativa que decorreu no auditório da Junta de Freguesia de S. Martinho de Bougado, no sábado, 26 de janeiro.

Ler mais...

Mais artigos...

1ª Pagina

Videos TrofaTV em destaque

 

Siga-nos no facebook

» Farmácia de serviço na Trofa